Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tia! Tia! Tia!

As tias têm voz. E histórias.

Brincadeira assim-assim

Ou quando os adultos e as crianças têm noções distintas de "nada para dizer"

Um destes dias, ao telefone:

- Sobrinha, conta-me como tem sido a vida na escola e fora da escola!

- Oh, Tia, não tenho novidades...

- Mas... não aprendeste nada novo, não fizeste nenhum disparate, não inventaste uma historinha, sequer?

- Nada, Tia...

E começaste a fazer caretas para a câmara, e quanto mais eu tentava falar contigo mais patetices fazias.

Tendo mais o que fazer, pedi-te para conversares um bocadinho ou teria de desligar...

e, despedindo-me, desliguei, porque tu calada e a câmara apontando para as paredes, para a rua, para todo o lado menos para uma Sobrinha em conversa com a Tia.

Um minuto depois recebi a mensagem:

C9613590-1307-4876-8A7C-F45E1B87FABC.jpeg

Enfim, já tenho trabalho para os próximos tempos: rever a diferença entre "brincar" e "fazer perder tempo e paciência". Contigo.

 

Tenho tantas saudades tuas, Sobrinha!

 

13 comentários

[acho que...]