Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tia! Tia! Tia!

As tias têm voz. E histórias.

Cócegas

- Tia, fazes-me cócegas?

É este um pedido feito muitas vezes ao acordares. Ao deitares. Ao vestires. Desde pequenita. E eu faço e tu ris muito, e

- Tia, pára, pára, não aguento!

E eu páro. Acalmas, e dizes

- Tia, outra vez...

E eu volto a fazer-te cócegas. E ris-te à gargalhada, até pedires para eu parar. Ou eu dizer

- Pronto, sobrinha, já chega, temos de ir.

E tu acrescentas sempre

- Agora é a minha vez, tia, vou fazer-te coceguinhas...

E eu

- Não vais, não, sobrinha...

- Oh, tia, não é justo! Tu também me fizeste!

- Mas foste tu que pediste, sobrinha...

- Não interessa, tia, fizeste-me cócegas e agora é a minha vez... Oh, tia, vá lá, é tão divertido!

 

 

Por vezes recuso o teu pedido de cócegas, porque é tarde ou não tenho tempo ou outro motivo qualquer do género. E tu

- Oh, tia, por favor, por favor, por favor! Eu prometo que não te faço!

12 comentários

[acho que...]